quinta-feira, 17 de novembro de 2016

CANTIGA DE MALDIZER, Miguel Torga


Google

Esta menina que eu sei
É como a rosa dos ventos:
Ora grita aqui-del-Rei,
Se alguém a vem namorar,
Ora maldiz os conventos
Onde o pai a quer guardar.

É um riso agradecido
E um pranto de se acabar.

Parece um fruto maduro,
Do outro lado do muro,
Com medo de ser comido
E medo de ali ficar.

MIGUEL TORGA
(12-9-1946)

Sem comentários:

Enviar um comentário